NEGOCIAÇÕES PARA A REVISÃO DO ACT DA MEO-PT

ffff

Estão a decorrer as negociações para a revisão do ACT da MEO-PT.

Sem prejuízo de informação SNTCT sobre esta matéria, que oportunamente enviaremos, deixamos aqui o comunicado conjunto relativo à 1ª sessão de negociação.

A Direcção Nacional do SNTCT

______________________________________________________________________

 

COMITÉ EXECUTIVO APRESENTA CONTRAPROPOSTA PARA O ACT ARGUMENTANDO COMO PREOCUPAÇÃO PRINCIPAL A MANUTENÇÃO DOS POSTOS DE TRABALHO

Abra este link para aceder ao comunicado em versão PDF » » » Comunicado ACT
Conforme anunciado decorreu dia 18 a 1ª sessão de negociação do ACT para 2018.

Nessa reunião esteve também presente o CEO da ALTICE PORTUGAL Engº Alexandre Fonseca para fazer o enquadramento em que a empresa se insere.

Uma grande preocupação na manutenção dos postos de Trabalho e da estabilidade de emprego na ALTICE PORTUGAL como compromisso principal.

A transformação da empresa numa empresa Tecnológica, a necessidade de recrutamento e renovação de competências para melhorar a eficiência, abordar e abranger novos mercados.

A necessidade de uma forte aposta na formação profissional adequada à evolução tecnológica e adaptação das competências dos Trabalhadores.

A manutenção da ALTICE PORTUGAL como o maior investidor em tecnologia do nosso país.

A manutenção de um forte investimento social e cultural como atitude diferenciadora da concorrência.

Face a este enquadramento o Comité Executivo apresenta como proposta inicial os seguintes princípios:

1. Garantir a actualização dos salários tendo em atenção o custo máximo do valor da massa salarial propondo que a distribuição dos valores deve ter em atenção as situações dos salários mais baixos.

2. Abertura para estabelecer um número mínimo de progressões/promoções em 2018.

3. Melhorar as matérias relacionadas com a Parentalidade, Faltas para o Acompanhamento Escolar do menor, Trabalhadores com capacidade reduzida, Férias, Dádiva de Sangue.

4. Adaptar a Mobilidade funcional (como forma essencial de garantir a empregabilidade), Transferências do local de trabalho.

5. Horarios concentrados, para possibilitar novo tipo de organização do trabalho em equipa.

Embora como se percebe, longe do que diz respeito à matéria salarial e pecuniária proposta pela Frente Sindical, regista-se no entanto o princípio da abertura para haver lugar a actualizações salariais e evolução profissional (Progressões/Promoções).
Regista-se também a abertura confirmada de analisar outras propostas dos Sindicatos em Matérias que contribuam para o desenvolvimento dos Trabalhadores e a estabilidade dos seus Direitos.

Ficam-nos no entanto e desde já sérias dúvidas, não só sobre até que ponto e de que forma o Comité Executivo poderá ir em matéria salarial e pecuniária, bem como os objectivos reais que pretende obter em Matéria de Mobilidade funcional, transferência do local de trabalho e horários concentrados.

Outra das reivindicações que os Sindicatos esperam obter concordância é no Pacote de Comunicações, tendo como principal objectivo a sua gratuitidade em analogia com o passado recente.

As reuniões de negociação serão semanais, duas sessões por semana, e pretende-se que o epílogo das negociações termine em meados de Junho.

20 de Abril de 2018

Os sindicatos: SINTTAV, STPT, SINDETELCO, SNTCT, SINQUADROS, STT, SITESE e FE